QR Code na abertura de chamados: por que adotar a estratégia?

04/05/2023

Nos últimos anos, o uso de QR Code se popularizou em todo o mundo. Agora, muitas empresas usam os códigos como meio de pagamento, cadastro e até passar informações aos clientes. Contudo, será que dá para usar QR Code na abertura de chamados?

A resposta é sim! O uso de QR Codes na abertura de chamados tem vários benefícios para a empresa, mas, deve ser feito de forma correta para evitar riscos, como o phishing.

QR Code e a segurança da informação do usuário

A tecnologia QR Code já é antiga. Criado em 1994, no Japão, pelo grupo Toyota, esse código é considerado uma evolução do código de barras que já conhecíamos. No começo, ele ajudava a Toyota a catalogar peças de automóveis.

Agora, com a ajuda de uma internet mais rápida e das câmeras dos nossos smartphones, ele consegue ter muito mais funções, como levar usuários a determinados endereços da web, ajudar a validar transações financeiras ou até servir como camada de segurança para documentos digitais.

Contudo, para que essa tecnologia se torne segura, é preciso que a sua geração e distribuição sejam feitos por sistemas seguros. Caso contrário, uma pessoa mal-intencionada poderia gerar códigos falsos levando os usuários a sites criminosos, por exemplo.

Como a gestão dos dados do usuário é uma responsabilidade das empresas que os solicitam, é fundamental que os negócios invistam em sistemas de service desk, help desk e autoatendimento comprometidos com a segurança digital.

Nesse caso, não é uma boa ideia fazer uso de programas gratuitos, pois, ainda que eficientes, eles podem ter brechas na segurança que comprometam a gestão das informações coletadas e o uso do QR Code.

Vantagens do uso do QR Code na abertura de chamados

Agora que você entendeu a importância de usar um sistema seguro para evitar problemas com o uso do QR Code, vamos entender quais as vantagens de usar esse código dentro do seu atendimento.

Agilidade

O QR Code é uma ferramenta ágil que pode direcionar o usuário imediatamente para os canais de suporte adequados, incluindo o autoatendimento.

Dessa forma, a empresa elimina a necessidade de o usuário precisar se lembrar de uma URL específica, de um número de telefone ou outra forma de contato. Basta que ele mire a câmera de seu celular para o QR Code para conseguir registrar um chamado, comunicar um incidente etc.

Mobile Friendly

As pessoas navegam muito na internet usando um celular. Cerca de 91% do tempo de navegação do brasileiro é por meio dos celulares, segundo um levantamento da Comscore.

Agora, imagine o quão inadequado seria ter que fazer o usuário precisar de um computador para abrir um chamado? Usar QR Code para abrir chamados torna esse processo mais adequado para os nossos tempos, em que o smartphone é a principal peça no consumo da informação.

Redução de erros

É comum que o usuário não consiga abrir um chamado por não ter tanta familiaridade com um sistema. Isso gera erros que podem ter diferentes efeitos na sua rotina, como causar uma má-impressão da empresa.

Ao recorrer aos QR Codes, a única coisa que a empresa precisa é que o indivíduo use adequadamente o próprio celular.

Integração

Os chamados gerados podem ser integrados automaticamente a outras ferramentas. Portanto, um chamado gerado a partir de um QR Code será registrado de forma automática, sendo avaliado por um atendente ou levando o usuário ao autoatendimento.

Isso abre uma série de possibilidades para as empresas, dependendo das suas necessidades. Por exemplo: um folder impresso de uma clínica médica pode ter um QR Code que gere como chamado o agendamento de uma consulta, sendo sincronizado com o sistema de atendimento da clínica.

São muitas as possibilidades. Todavia, para que essa ideia dê certo, a empresa precisa fazer a integração sistêmica de forma correta, gerenciando adequadamente os chamados.

É por saber da importância da integração entre diferentes softwares que a TOPdesk disponibiliza sua API para que o time TI de cada negócio crie suas integrações da forma que achar mais adequada — além das 90 integrações nativas disponibilizadas.

Melhora na comunicação

Distribuir QR Codes para que os usuários conheçam os canais de atendimento é algo muito simples. Pode ser feito por mensagens, como WhatsApp, e-mail, folders, cartazes, manuais de boas-vindas, imagens de redes sociais etc.

Isso fará com que as pessoas não precisem perguntar à empresa sobre como acessar esses canais, garantindo ainda mais agilidade, principalmente no autoatendimento.

Como vimos, incluir o QR Code como estratégia no atendimento e abertura de chamados pode ser uma iniciativa interessante para facilitar a vida do usuário e tornar os processos ainda mais simples e seguros.

Você quer conhecer outras tendências no mundo da tecnologia? Então, baixe o ebook O que vem por aí em 2023: tendências de tecnologia segundo o Gartner agora mesmo!

Mais sobre este tópico

Investir em TI: não cometa estes 5 erros

O volume de investimentos em TI pelas empresas brasileiras deverá manter seu ritmo acelerado

Segurança em TI: 6 dicas fundamentais para evitar ciberataques

O Brasil se tornou o segundo alvo preferido dos cibercriminosos. Um levantamento divulgado pelo

Aumente a produtividade da equipe com a ferramenta certa

Aumentar a produtividade da equipe é um dos temas corporativos que mais aparecem nas